PROJETO

HOTEL CARMEL ICARAIZINHO

LOCALIZAÇÃO

AMONTADA, CE, BRASIL

Localizada próximo a um pequeno vilarejo no litoral do Ceará, o Hotel Carmel Icaraizinho foi desenvolvido com o objetivo de transformar toda a experiência de visitar este pequeno paraíso, do banho de mar ao descanso, completamente única. Desde o início, Desde o início, o proprietário deixou claro o que ele imaginava para este espaço: um hotel de arquitetura singular, com espaços de tipologias diferentes que criem novas experiências.   

O que marca este projeto e sua singularidade é a desconstrução do modelo tradicional de acomodações litorâneas, nada de grandes estruturas de circulação vertical e materiais rígidos como concreto, e sim, ambientes que tragam o melhor deste olimpo nordestino implementados na arquitetura. Já nos primeiros passos dentro do Hotel, a assimetria entre a parte externa e interna do ambiente te preparam para uma experiência inesquecível, enquanto a iluminação natural superior, que se torna assinatura do Hall de entrada, mostram o Oásis que te espera ao passar pelas portas. 

A preocupação inicial do arquiteto responsável pelo projeto foi enquadrar a paisagem e torná-la uma extensão de toda a arquitetura do projeto, para isso, o projeto utilizou de técnicas vernaculares e sustentáveis, setorizando áreas e criando um operacional de hotelaria inovador. O Hotel Carmel Icaraizinho, mesmo com todas as suas visíveis referências de bioconstrução, ainda conta com Heliponto, academia e spa em espaços privilegiados. Estes espaços não são mera formalidade, a academia por exemplo, conta com equipamentos de ponta e convida à visita de hóspedes com a sua vista privilegiada para o mar.  

Os materiais utilizados  no desenvolvimento remetem a toda estética praiana da região, ressignificando o uso de palha e madeira em todo o projeto, enquanto o paisagismo cria ambientes jamais imaginados na região, unindo espécies de plantas nativas e tropicais. Nas paredes, a secular taipa de mão é resgatada, enquanto o teto de carnaúba e os pisos em madeira harmonizam o visual do hotel. Embora os principais insumos utilizados sejam estes, vale destacar a parte superior de áreas como o restaurante e a academia, que contam com um teto integrado à parte exterior, tornando quase impossível definir onde termina o gramado e começa o telhado destes espaços. O projeto é um marco para a construção e arquitetura sustentável, utilizando de matérias primas renováveis de forma inteligente, sem impactos ambientais ao seu entorno e sem abrir mão da sofisticação.  

Já nas acomodações, diversas peças assinadas por Guilherme Torres, como as poltronas e as camas, são as responsáveis pelo conforto deste ambiente, enquanto a parede inclinada de palha mantém o tom regional do projeto. Outro destaque fica por conta da tipologia das diversas unidades disponíveis, divididas entre unidades inferiores com sala ampla e aberta, unidades superiores que possuem piscina e unidades premium: espaçosos duplex com vista privilegiada para o mar.